segunda-feira, 15 de abril de 2013

Semana 36

Está quase! (suspiro) Cada vez mais se aproxima da hora e começa a surgir uma ansiedade (ou até mesmo um medo) que até agora não existia. E ser uma grávida médica não ajuda em nada. Tudo o que eu já vi (mas tudo o que eu nunca vivi do lado de lá), tudo o que eu sei (e que era muito melhor que não soubesse), deixam-me ligeiramente inquieta: será que vou ser capaz?, será que me vou portar à altura? (até já me passou pela cabeça: será que vou reconhecer os sinais do parto?)
Não tenho receio (ainda...) de pensar que vou cuidar dele e que irá depender de mim para tudo. Mas tenho algum da amamentação.. Será que vou conseguir? Não tenho receio dos banhos - até estou muito entusiasmada com a ideia desta vez poder manejar à vontade um recém-nascido que não é de outra mãe!, mas já arranjei um pediatra a quem o vou entregar todinho, porque sei que eu não seria capaz de examinar o meu filho com olhos de médica. 
A minha grande expectativa, neste momento, está mesmo ligada a estes dias próximos, ao que se vai passar com o meu corpo, ao parto, à nossa separação (porque vai deixar de ser só meu), à saudade de o ter cá dentro (que acredito que seja rapidamente superada ao olhar para ele e ao pegá-lo ao colo e mimá-lo), e, claro, a ter a certeza que está mesmo tudo bem com ele. E isso, só vou saber aos poucos, à medida que ele for evoluindo. E eu rezo todos os dias (e várias vezes por dia) para que o meu pequenino seja perfeito e saudável. Sim, porque acho que só entendi realmente o significado desta expressão agora. Perfeito e saudável. E não há nada mais importante que isso.

Esta foto não foi hoje mas foi ontem, às 35 e 6 dias (vai dar ao mesmo!)

E para não variar, o que é que diz o meu querido baby center esta semana?

Como o seu bebé está crescendo:
Reta final! Quando esta semana terminar, seu bebé estará oficialmente "a termo", ou seja, não será mais prematuro se resolver nascer antes da hora. Mas o melhor é não ter pressa. Lembre-se de que a gestação dura oficialmente 40 semanas. (já sei... não é preciso dizerem isso a toda a hora..) O mais provável é que seu bebé esteja na posição certa para nascer, ou seja, de cabeça para baixo. (está sim!) 

Como fica sua vida: 
Agora que o bebé está grande, pressionando todos os seus órgãos, pode ser que você não tenha mais tanta fome quanto tinha há algumas semanas. É melhor comer pequenas porções e com mais frequência. (sim, já não me tenho levantado a morrer de fome, é certo..). A falta de ar é um sintoma desagradável dessa fase (yes, i know..). Avise o médico, porém, se tiver falta de ar em consequência de uma gripe. Grávidas ficam mais sujeitas a infecções, portanto é sempre bom ficar atenta. Se for seu primeiro filho, em algum momento daqui para a frente o bebé pode encaixar. Caso isso aconteça, seus pulmões e seu estômago terão um refresco: vai ficar mais fácil respirar e comer. Andar, porém, é outra história. Algumas mulheres dizem que parece que o bebé vai despencar a qualquer momento. Sabe aquelas grávidas que só conseguem sentar de pernas abertas? (pois... vamos lá ver como vai ser isto... é das tais coisas..)
Para mães de segunda viagem ou mais, o bebé normalmente só "desce" poucas horas antes do parto (ok, para a próxima já sei!)

Esquecida: Você anda esquecendo compromissos? Está difícil trabalhar? A sensação de estar avoada é comum neste último trimestre. (só neste????)Além das mudanças hormonais, você provavelmente não está dormindo direito de tantas vezes que precisa levantar para fazer xixi. Tem um monte de coisas para organizar, e não consegue parar de pensar em como vai ser o parto e o rostinho do bebé (pois...). Para ajudar, relembre as táticas para dormir bem na gravidez. É ótimo guardar o máximo de licença-maternidade para depois do parto, mas não precisa ser supermulher: se você estiver se sentindo muito pesada e estiver difícil trabalhar, converse com o obstetra.

E pronto, é isto... A minha empregada foi mais uma vez avisada de tudo o que vai fazer se ela chegar cá num dia de manhã e eu não estiver: lavar tudo nos quartos (meu e dele), para estar tudo o mais fresquinho possível e sem pó! A maxi-cosi já foi experimentada no carro e eu já avisei o pai onde estão os protectores dos vidros do carro, para ele poder colocar no sítio para a viagem para casa. Só me falta mesmo ir comprar a tal cinta que a parteira recomendou e... acho que está tudo! ;)


Acompanhe o Aventuras a 4 no Facebook aqui!

2 comentários:

Ana Costa disse...

Olá menina mamã :)Pois mt bem estão vocês na praia. Ontem esteve um belo dia para passear. Pois bem, respondendo ao teu post cá estou eu quase com 22 semanas e o nome do rapaz será Pedro. Um nome que os papás gostam, não sendo tb o segundo nome do pai ;) um beijinho e continuação de excelentes escritas ;)

CP disse...

Olá!!! Já são 22? Eh lá! :D Muito boa escolha do nome! Escreve também lá na página do FB do Aventuras a 4 (https://www.facebook.com/notifications?id=551364064896604), que assim parecemos muitas :D
Beijo muito grande para ti! E Parabéns!!! =)

E clica aqui ao lado em "aderir a este site" para poderes receber sempre as novidades ;)

Enviar um comentário